0

CAMP participa de audiência pública promovida pelo TSE

O presidente do CAMP, Bruno Hoffmann, participou na última quinta-feira (25) de audiência pública no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O debate foi promovido pela Corte para debater as propostas de aperfeiçoamento das resoluções para as Eleições 2024. A audiência foi conduzida pela ministra Cármen Lúcia, vice-presidente da Corte e relatora designada para as resoluções.
Hoffmann destacou o papel do CAMP na luta por um país mais democrático e enfatizou a importância das contribuições feitas pela entidade para o pleito deste ano. Ao total, o CAMP cadastrou sete proposições, que tratam sobre a regulamentação de Inteligência Artificial, sobretudo, a sugestão de proibição de deep fake, e outros temas incluindo combate à desinformação e melhor regulamentação do direito de resposta.
Confira o discurso na íntegra:

Exma. Ministra Cármem Lúcia e demais autoridades presentes.

É uma honra estar na presença de vossas senhorias.

Sou Bruno Hoffmann, presidente do CAMP, e é uma honra também, representar aqui a grande maioria dos principais estrategistas, consultores políticos e profissionais do Marketing Político brasileiro.

O CAMP tem como objetivo central mostrar que somos parte da solução para um país mais democrático. Através das nossas ações e Código de Ética. É comunicação séria próxima do TSE e de outras instituições democráticas.

E aqui já início a defesa das propostas submetidas, pois na nossa profissão, é bem verdade, somos especialistas em informar, emocionar, envolver o eleitor. Digo isso pois, acreditem, sabemos das oportunidades e dos impactos que novidades como a Inteligência Artificial terão nos pleitos eleitorais.

Justamente por isso, sugerimos como principal contribuição aqui hoje, a proibição das deepfakes nas eleições. Nossos eleitores não estão prontos para distinguir o certo do errado, o real do fake, e as consequências podem ser catastróficas.

Essa vedação expressa é crucial. Não podemos dar margem, ou autorizar, mesmo com advertência, algo que tenha “fake” no nome.

Ao mesmo tempo que a inteligência artificial é uma ferramenta, está posta, poderá ser muito positiva reduzindo custos, agilizando processos e melhorando a qualidade das peças de propaganda. Importante darmos essa liberdade, e garantir o uso positivo, sem amarras às campanhas. Não podemos tentar frear a tecnologia, advertir, ou difundir a sensação de que tudo que se use IA é falso ou desinformação.

É fundamental focarmos no impedimento dos usos negativos somente, pois eles existirão e virão diariamente, anonimamente, com o objetivo de destruir candidaturas e atacando instituições democráticas.

O CAMP teve a oportunidade de enviar 7 sugestões de aprimoramento à Corte:

As três primeiras se referem ao Artigo 9º B.

  1. Alteração artigo 9ºB, caput: proibição de deepfake ao vedar fabricação e manipulação de imagens, sons ou vídeos com o objetivo de difundir crença que o individuo ou situação retratados são verdadeiros.

Ao mesmo tempo que libera o uso de inteligência artificial sem causar insegurança jurídica na produção de material. Sem esse segurança, quais tecnologias de fato não precisariam de informação explícita, quem irá determinar cada uma delas? Existe aí um risco seríssimo à comunicação democrática com possibilidade de milhares de pedidos sobrecarregando a assessoria jurídica e por consequência os tribunais competentes durante as eleições.

  1. Alteração artigo 9ºB, §2º: incluindo vedação expressa de desinformação na propaganda eleitoral dos candidatos, com a consequência já prevista a fim de preservar a integridade do processo.
  2. Inclusão artigo 9ºB, §4º: assim como já ativo em algumas redes sociais, fica colocada às plataformas a responsabilidade de colaborar com o processo eleitoral e criar a advertência de deepfake, tanto para candidaturas em desacordo com a lei, como para usuários que com certeza irão popular as redes com esse tipo de conteúdo.
  3. Inclusão artigo 29º, §1º-A: veda expressamente o impulsionamento de banners em sites, blogs e aplicativos. Justamente porque em 2022, o entendimento de impulsionamento de conteúdo não incluía essa versão de propaganda, mas especificamente na plataforma do Google Ads, o display estava habilitado para campanhas e isso criou insegurança jurídica e um ambiente injusto de competição no ambiente digital. Ou seja, ou se proíbe expressamente, ou se permite expressamente.
  4. Alteração artigo 29º, §12º: expande a vedação de impulsionamento de fake news além do tema de “integridade eleitoral”, mas também à “candidatura, partido político e federação”. Ou seja, cercando ainda mais os produtores de desinformação.

Representações e Reclamações (Direito de Resposta)

  1. Inclusão artigo 31º, §2º: esclarecendo a não necessidade de apresentação do texto do direito de resposta no protocolo da petição inicial. Esclarecendo um entendimento jurisprudencial para que não se gere insegurança jurídica e sobretudo não dar margem à aplicação de censura prévia.
  2. Inclusão artigo 32º, item III, d): inclusão do detalhamento sugerido que padroniza o formato de direito de resposta na televisão, com fundo e letreiro neutros. Garantindo as mesmas oportunidades estéticas de esclarecimento à ambas as partes.

Sem mais, agradeço a oportunidade em nome do CAMP, e me coloco à disposição da Corte para detalhar, se necessário, no momento adequado, exemplos práticos que essas sugestões resolvem. Muito obrigado.

0

CAMP envia ao TSE sugestões de aprimoramento das resoluções das Eleições de 2024

O Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político (CAMP) enviou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sugestões de edição de minutas das resoluções que vão reger o pleito de 2024. A Corte recebeu ideias para o aperfeiçoamento das resoluções de pessoas e instituições públicas e privadas, incluídos os partidos políticos, os Tribunais Regionais Eleitorais e as associações profissionais e acadêmicas.

O trabalho foi desenvolvido pelo GT do CAMP de Reforma Política e Eleitoral com a consultoria jurídica da advogada e mestre em
Direito, Luiza Portella (Abradep).

Ao total, o CAMP cadastrou sete proposições, que tratam sobre a regulamentação de Inteligência Artificial, sobretudo, a sugestão de proibição de deep fake, e outros temas incluindo combate à desinformação e melhor regulamentação do direito de resposta.

As propostas de aperfeiçoamento das instruções serão debatidas em audiências públicas que acontecerão de 23 a 25 de janeiro. Os encontros serão transmitidos ao vivo pelo canal do TSE no YouTube. Elas serão conduzidas pela ministra Cármen Lúcia, vice-presidente da Corte e relatora designada para as resoluções.

0

CAMP contrata Diretor(a) de Operações

Quer trabalhar diretamente com grandes nomes do Marketing Político? Ama a Democracia e quer fazer a diferença?

O Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político está crescendo cada vez mais. Agora precisamos de um profissional com grande paixão e comprometimento com o meio em que atuamos.

Entre as principais atividades do Diretor de Operações estão:

  • Planejamento: desenvolvimento de calendários bianuais de ação e eventos;
  • Conteúdo: desenvolvimento de conteúdo de alta qualidade, organizando e requisitando material de associados;
  • Conteúdo Institucional: produção/organização de textos de posicionamentos, releases, notas de agradecimento, etc.
  • Relacionamento: contato e solicitação de audiências com autoridades e líderes de entidades e organizações com interesses em comum;
  • Leads: campanha/relacionamento com pessoas chave por mais associados;
  • Site: atualização de conteúdo (textos, bios de associados, etc);
  • Redes sociais: atualização e SAC;
  • Imprensa: assessoria e relacionamento com sites noticiosos, blogs e players de jornalismo político;
  • Envio de newsletter;
  • Manutenção do banco de dados dos associados e interessados;
  • Eventos: produção dos nossos eventos (Seminário, Premiação, parcerias, etc);
  • Acompanhamento de movimentação financeira.

Todas as atividades serão geridas com o apoio e supervisão dos membros que compõe a Diretoria-Executiva.

Nível de escolaridade: Superior completo em Comunicação Social (Jornalismo, Relações Públicas, Publicidade e Propaganda, etc), Ciências Políticas ou Ciências Sociais.

Desejável Pós-graduação em áreas correlatas.

Desejável Inglês e Espanhol fluente.

Dedicação integral

Quer se candidatar?

Acesse o link, preencha o formulário e envie os arquivos por email: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfb7q4OPYdToDJZOqqI2HfTHosH6_on27W6Wnmje_U-QlYKKg/viewform?usp=sf_link

0

CAMP parabeniza o novo presidente da IAPC

O Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político (CAMP) parabeniza o novo presidente da Associação Internacional de Consultores Políticos (IAPC), Carlos Fara.

Eleito durante a 56ª Conferência Mundial realizada em Atenas, Fara se dedica à consultoria política há 35 anos e é especialista em opinião pública, campanhas eleitorais e comunicação governamental. Também foi ex-presidente da Associação Latino-Americana de Consultores Políticos (ALaCoP) e o primeiro presidente da Associação Argentina de Consultores Políticos (AsACoP).

Ao novo gestor, o CAMP faz votos de êxito e sucesso ressaltando a importância da colaboração entre as entidades em prol da Democracia.

0

Nota de pesar – Alec Duarte

O Clube Associativo dos Profissionais do Marketing Político (CAMP) manifesta seu mais profundo pesar pelo falecimento do nosso querido associado Alec Duarte.

Duarte trabalhou na indústria da comunicação por mais 30 anos liderando projetos nas áreas do jornalismo, marketing político, marketing digital e comunicação pública e corporativa em grandes empresas de expressão nacional, além de atuar como professor e coordenador de cursos na área em universidades de prestígio.

Alec estava à frente de seu tempo. O CAMP está de luto pela perda desse grande amigo. Vamos sentir falta do seu comprometimento, profissionalismo e da sua alegria.

Aos amigos e familiares, nossas mais profundas condolências.

Siga em paz, Alec! 🙏🏼

0

LISTA COMPLETA DOS VENCEDORES DO 3° PRÊMIO CAMP DA DEMOCRACIA

O 3º Prêmio CAMP da Democracia homenageou, na noite desta quarta-feira (23), os profissionais e empresas que atuaram em campanhas eleitorais, governamentais e de defesa de interesse. A cerimônia de entrega dos troféus ocorreu como parte da programação do Expo Digitalks 2023, na cidade de São Paulo.

Confira abaixo a lista oficial dos grandes vencedores:

Prêmio CAMP de Contribuição para a Democracia

Programa de Enfrentamento à Desinformação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

Melhor Uso de Pesquisa de Opinião (Categoria não eleitoral)
OURO – Incentivo do voto aos 16 anos
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

PRATA – Prefeitura de Petrolina
Alfa Inteligência

BRONZE – Pesquisas Qualitativas Jornal O Globo Portal Pulso, Eleições Presidenciais 2022
INSTITUTO TRAVESSIA

Maior Inovação: Projeto, Estratégia ou Tecnologia (categoria não eleitoral)
OURO – Painel de dados eleitorais
OPUS Consultoria e Pesquisa

PRATA – Vila Velha – Vacinação online para salvar vidas
UpCities Govtech

BRONZE – Programa de Liderança
Gabinete Vereadora Marcela Trópia

Melhor Ação Digital para Governo, Partido ou Mandato
OURO – Incentivo do voto aos 16 anos
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

PRATA – Vota e Confirma a Democracia
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

BRONZE – Luva de Prefeito
Mind

Melhor Site de Governo, Partido ou Mandato
PRATA – Investe São Gabriel – https://investesaogabriel.com.br/
Critério – Resultado em Opinião Pública

Melhor Vídeo para Internet (não eleitoral)
OURO – Policia Federal : Cordel – O perito criminal e o resgate de DoNA esperança
ativaweb ltda

PRATA – Paraíba, Terra Indígena
Seleta Propaganda & Marketing

BRONZE – Natal de Todos Nós
Mind

Melhor Estratégia de Redes Sociais (não eleitoral)
PRATA – Escolha dos Médicos
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Campanha de Mídia Digital (não eleitoral)
PRATA – Maceió: paraíso de todos nós
Mind

Melhor Slogan (não eleitoral)
OURO – Rio Grande dando a volta por cima
Critério – Resultado em Opinião Pública

PRATA – Menos Indiferença, Mais Igualdade
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Ação Viral (não eleitoral)
OURO – Cadeira Gigante no BBB
Mind

PRATA – Novembro Azul e os “Bonitin da Cobal”
2HC

BRONZE – Divórcio só com advogado(a)
Maxi Publicidade

Melhor Campanha de Defesa de Interesse
OURO – Vota e Confirma a Democracia
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

PRATA – Rio Grande Contra a Fome
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

BRONZE – Empatia no Trânsito
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Logomarca (não eleitoral)
OURO – Redesign Logomarca da Prefeitura de Vila Velha-ES
Rafael Leão Marketing Político

PRATA – Escola Nacional de Perícia
ativaweb ltda

BRONZE – 60 anos de Legalidade
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Case Atemporal (não eleitoral)
OURO – Pandemia
Secretaria de Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul (Secom-RS)

Melhor Peça Estática (não eleitoral)
OURO – ALRS e Sociedade Contra o Feminicídio
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

PRATA – Cartilha de enfrentamento ao racismo
ativaweb ltda

BRONZE – Que tipo de doador de sangue é você?
2HC

Melhor Outdoor
BRONZE – Contrate um(a) advogado(a)
Maxi Publicidade

Melhor Conjunto Gráfico (não eleitoral)
PRATA – Semana do Meio Ambiente
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Uso de Humor (não eleitoral)
PRATA – SIM OU NÃO?
JC Pontes Comunicação Digital LTDA

BRONZE – Fundação 1º de Maio pela Democracia – #PartiuTirarOTítulo
2HC

Melhor Spot de Rádio (categoria não eleitoral)
OURO – VOCÊ NÃO IMAGINA DO QUE A GENTE É CAPAZ
ZK

PRATA – Conscientização – Jovens e a Covid-19
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

BRONZE – Incentivo do voto aos 16 anos
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Gerenciamento de Crises (não eleitoral)
OURO – Incêndio da SSP-RS
Secretaria de Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul (Secom-RS)

PRATA – Sistema 3As, um novo modelo de gestão da pandemia
Secretaria de Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul (Secom-RS)

Melhor Inserção de TV (categoria não eleitoral)
OURO – Vota e Confirma a Democracia
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

PRATA – Rio Grande Contra a Fome
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

BRONZE – Empatia no Trânsito
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

Melhor Gerenciamento de Mandato
OURO – OKRs: gestão flexível no Legislativo Municipal
Gabinete Vereadora Marcela Trópia

PRATA – Gravataí – melhor cidade pra se investir e viver
Critério – Resultado em Opinião Pública

Melhor Campanha Institucional de Município
OURO – Auxílio Emergencial Canoense
Agência Moove (Pública Comunicação Ltda. )

PRATA – Palmas volta por cima – Campanha retomada pós pandemia
Agência Public

BRONZE – Macaíba/RN – Campanha Trabalhando e Avançando
PlanoB Soluções

Melhor Campanha Institucional para Governo Federal ou Estadual
OURO – Programa Avançar – Ações e Investimentos do Governo do RS
Secretaria de Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul (Secom-RS)

PRATA – Palácio Piratini – 100 anos
Secretaria de Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul (Secom-RS)

BRONZE – Campanha Alesp Preserva
Versão Br

Melhor Logomarca
OURO – Helder e Hana
Vector Produção e Planejamento

PRATA – EDUARDO. PRA CRESCER TEM QUE MUDAR.
SEED MARKETING E ESTRATEGIA

BRONZE – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

Melhor Contribuição em Campanhas Internacionais
OURO – Maria das Neves – Presidente
TupyCompany Comunicação Ltda

Melhor Peça Estática
OURO – O homem e sua marca
Vector Produção e Planejamento

PRATA – Revista S.U.S.icídio
Aorta Comunicação e Evento LTDA

BRONZE – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

Melhor Campanha Eleitoral de Entidade de Classe ou Instituição
OURO – Advocacia em Movimento – OAB Paraíba
Seleta Propaganda & Marketing

PRATA – OAB #PraFazerMais – Fazendo jus ao nome
2HC

Melhor Conjunto Gráfico
OURO – A estrela do Pará. A estrela da gente
Vector Producão e Planejamento

PRATA – VAMOS EM FRENTE, BETO PRETO
Trade Comunicação e Marketing

BRONZE – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

Melhor Vídeo para Internet
OURO – Violência Política
Orire

PRATA – Fiz umas continhas e olha no que deu….
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

BRONZE – João de João Pessoa
Noez Marketing Político

Melhor Site de Campanha Eleitoral
OURO – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

PRATA – Site Marquinhos Trad Governador
Voda Comunicação

Melhor Slogan
OURO – Tabata é outra história – Slogan de Campanha Tabata Amaral 2022
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

PRATA – Pra seguir em frente, é Helder novamente!
Vector Produção e Planejamento

BRONZE – Any Ortiz – Dá pra fazer diferente!
Critério – Resultado em Opinião Pública

Melhor Ação Viral
OURO – Adulador de Lula com Fátima Governadora
PlanoB Soluções

PRATA – Viradão Vira Voto
Orire

BRONZE – Ligação da Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

Melhor Campanha de Mídia Digital
OURO – MELHOR MÍDIA DIGITAL – ZEMA GOVERNADOR
STRATTEGY MARKETING POLÍTICO

PRATA – Tarcísio 10 – Governo do Estado de São Paulo
RTV / SELVA

BRONZE – Campanha de Segmentação de Marquinhos Trad
Voda Comunicação

Melhor Estratégia de Redes Sociais
OURO – É outra história: Redes Sociais Tabata Amaral 2022
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

PRATA – Instagram Duda Salabert
Orire

BRONZE – João tá ON
Noez Marketing Político

Melhor Foto / Imagem Estática
PRATA – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

BRONZE – Figurinha copa Amastha
Agência Public

Melhor Campanha Digital Eleitoral
OURO – É outra história: Campanha Digital Tabata Amaral 2022
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

PRATA – Duda Salabert
Orire

BRONZE – Tarcísio 10 – Governo do Estado de São Paulo
RTV / SELVA

Melhor Campanha de Candidato a Deputado do Renova Br
OURO – Campanha Pedro Aihara
Pedro Aihara

PRATA – Marchiane, do seu lado
Otto Criativo

BRONZE – Henrique Mecabô – Quero ser seu funcionário!
Henrique Mecabô

Melhor Jingle
OURO – Jingle campanha Duda Salabert
Orire

PRATA – Pra seguir em frente
Vector Produção e Planejamento

BRONZE – Bora com o Cláudio
Vitoria CI

Melhor Case Atemporal
OURO – Comercial Lula-lá
Tarso Estratégia

PRATA – CAMPANHA PARA PREFEITO DE PALMAS – 2012
Agência Public

BRONZE – A Jornada do Herói
SEED MARKETING E ESTRATEGIA

Melhor Uso de Pesquisa de Opinião
OURO – Eleições 2022 para o Mercado Financeiro
INSTITUTO DE PESQUISA IDEIA

PRATA – Pesquisas Qualitativas – Ana Carolina Serra Estadual
INSTITUTO TRAVESSIA

BRONZE – O primeiro modelo de “Likely Voter” no Brasil
Quaest Consultoria e Pesquisa

Maior Inovação: Projeto, Estratégia ou Tecnologia
OURO – Duda – Campanha sem gráfica
Orire

PRATA – Índice de Priorização Territorial (IPT)
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

BRONZE – WEBSSÉRIE AS HISTÓRIAS NÃO CONTADAS DA PANDEMIA
Trade Comunicação e Marketing

Melhor Gerenciamento de Crises
PRATA – Combate às fake news: cassação X inelegibilidade
Aorta Comunicação e Evento LTDA

Melhor Uso de Humor
OURO – Humor leve e mensagem simples: a receita que comunica
Strattegy Comunicação & Marketing Político

PRATA – CACHORROS
HD mkting político

BRONZE – Se você tá dizendo que não vai votar na Duda…
Orire

Melhor Spot de Rádio
OURO – “Alice” – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

PRATA – Programa “PANTANAL”
Agência Public

BRONZE – Chamada de Telefone
Agência Moove

Melhor Peça Única de TV
OURO – Helder Convenção
Vector Produção e Planejamento

PRATA – Um compromisso com Rafael
Mosh Brasil

BRONZE – PODIA ESTAR ROUBANDO (ÔNIBUS PEDINTE)
HD mkting político

Melhor Campanha de Rádio
PRATA – Campanha de rádio Ronaldo Dimas
Agência Public

Melhor Campanha de TV
OURO – Camisas
Vector Produção e Planejamento

PRATA – Propostas Musicadas
SEED MARKETING E ESTRATEGIA

BRONZE – Encontro em Petrópolis.
Vitoria CI

Melhor Campanha de Mobilização
OURO – É outra história: Estratégia de Voluntários da Campanha Tabata Amaral 2022
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

PRATA – Carros sem adesivos mas com número e candidata
Orire

BRONZE – Jornada dos amigos
Aorta Comunicação e Evento LTDA

Melhor Campanha para Deputado(a) Estadual / Distrital
OURO – Deputado Estadual Rafael Martins
Machado Inteligência Política

PRATA – Sempre na linha de frente pelas pessoas
Aorta Comunicação e Evento LTDA

BRONZE – Tony Fernandes – Esse fez diferente
2HC

Melhor Campanha para Deputado(a) Federal
OURO – Duda Salabert, primeira deputada federal trans do Brasil
Orire

PRATA – É outra história: Campanha Tabata Amaral 2022
Coordenação de Campanha Tabata Amaral (2022)

BRONZE – VAMOS EM FRENTE, BETO PRETO
Trade Comunicação e Marketing

Melhor Campanha para Senador(a)
OURO – O Pará tá com Beto
Vector Produção e Planejamento

PRATA – Marcelo Aro Senador
Strattegy Comunicação & Marketing Político

BRONZE – Ricardo Coutinho Campanha Senado 2022
Andre Bamberg

Melhor Discurso
PRATA – “Brasília 100 anos” – Leila do Vôlei para Governadora do DF
ESPLANADA Comunicação Estratégica

Melhor Campanha para Presidente ou Governador(a)
OURO – Pra seguir em frente, é Helder novamente
Vector Produção e Planejamento

PRATA – Minas em 1º lugar
Strattegy Comunicação & Marketing Político

BRONZE – Quem é esse Cara?
Vitoria CI

0

Inscrições abertas para o 3° Prêmio CAMP da Democracia

O Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político (CAMP) abriu as inscrições para o 3º Prêmio CAMP da Democracia. A premiação, que é o maior reconhecimento do setor no país, segue com inscrições abertas até o dia 17 de julho.

O 3° Prêmio CAMP da Democracia aceita trabalhos realizados entre os anos de 2021 e 2022. São 56 categorias divididas em Trabalhos Eleitorais e Trabalhos Governamentais/ institucionais e de Defesa de Interesse. Para efetuar as inscrições com desconto especial os interessados devem se inscrever até o dia 31 de maio através do endereço www.campbrasil.com.br/premio.

Todos os profissionais que atuam com Marketing Político, governamental ou de Defesa de Interesses poderão inscrever seus trabalhos, sem limite no número de inscrições.

O Prêmio CAMP da Democracia foi criado para laurear aquelas empresas e profissionais que promovem a Democracia, a liberdade de expressão e incentivam a participação popular, sempre seguindo o Código de Ética promovido pelo CAMP.  O prêmio conta com a parceria da AAPC (Associação Americana de Consultores Políticos) e utiliza a mesma metodologia de inscrição e avaliação da premiação produzida por eles, o Pollie Award.

Em 2023, a cerimônia de premiação acontecerá no dia 23 de agosto, dentro da programação do Digitalks Expo, em São Paulo.

Categorias

Nesta edição, criamos categorias novas para contemplar um leque maior de entregas e de profissionais que atuam no mercado. Incluindo duas categorias em parceria com o RenovaBr e outra exclusiva para estudantes. Confira as categorias do 3° Prêmio CAMP da Democracia:

Exclusivas Eleitorais

Melhor Campanha para Presidente

Melhor Campanha para Governador(a)

Melhor Campanha para Senador(a)

Melhor Campanha para Deputado(a) Federal

Melhor Campanha para Deputado(a) Estadual/Distrital

Melhor Peça Única de TV (programa ou inserção)

Melhor Campanha de TV (conjunto de programas e/ou inserções)

Melhor Spot de Rádio (único)

Melhor Campanha de Rádio (conjunto de spots)

Melhor Jingle

Melhor Uso de Pesquisa de Opinião

Melhor Campanha Digital Eleitoral

Melhor Site de Campanha Eleitoral

Melhor Estratégia de Redes Sociais

Melhor Vídeo para Internet

Melhor Conjunto Gráfico (impresso ou digital)

Melhor Peça Estática (impresso ou digital)

Melhor Ação Viral

Melhor Campanha de Mídia Digital

Maior Inovação: Estratégia, Tecnologia ou Formato

Melhor Logomarca

Melhor Slogan

Melhor Foto / Imagem Estática

Melhor Uso de Humor

Melhor Campanha de Mobilização (eventos, ações de ruas)

Melhor Contribuição em Campanhas Internacionais

Melhor Campanha Eleitoral de Entidade de Classe ou Instituição

Melhor Discurso

Melhor Gerenciamento de Crises

Melhor Campanha Fictícia- Estudantes (EM BREVE)

Melhor Case Atemporal

Melhor Campanha de Candidatos a Deputado (a) Federal do RenovaBR

Melhor Campanha de Candidatos a Deputado (a) Estadual do RenovaBR

Trabalhos Governamentais/Institucionais e de Defesa de Interesse

Melhor Campanha Institucional para Governo Federal ou Estadual

Melhor Campanha Institucional para Município

Melhor Gerenciamento de Mandato

Melhor Ação Digital para Governo, Partido ou Mandato

Melhor Site de Governo, Partido ou Mandato

Melhor Campanha de Defesa de Interesse

Melhor Uso de Pesquisa de Opinião

Maior Inovação: Projeto, Estratégia ou Tecnologia

Melhor Inserção de TV

Melhor Spot de Rádio

Melhor Outdoor

Melhor Estratégia de Redes Sociais

Melhor Vídeo para Internet

Melhor Conjunto Gráfico (impresso ou digital)

Melhor Peça Estática (impresso ou digital)

Melhor Ação Viral

Melhor Campanha de Mídia Digital

Melhor Logomarca

Melhor Slogan

Melhor Foto / Imagem Estática

Melhor Gerenciamento de Crises

Melhor Uso de Humor

Melhor Case Atemporal.

Sobre o CAMP

 O CAMP é uma entidade associativa formada por consultores, estrategistas, jornalistas, publicitários e pesquisadores de diversas áreas de todas as regiões do País.  Apartidário, o CAMP busca diálogo com todas as esferas de poder e tem como principais premissas o fortalecimento da Democracia e o aumento da participação popular nesse processo.

Durante esses cinco anos de atuação, o CAMP participou de ações importantes e realizou eventos que fortaleceram o desenvolvimento dos profissionais de Marketing Político e revelaram a importância do setor.

No seu ano de fundação, o CAMP firmou acordo de colaboração com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), objetivando o combate à disseminação de notícias falsas, especialmente nas Eleições de 2018. Em 2019, realizou, em Brasília, o 1° Seminário CAMP: Estratégia, Comunicação e Democracia.

Em 2020, o CAMP realizou, junto com o Senado Federal, o Seminário “Eleições 2020: as melhores práticas por um pleito ético participativo e democrático”. Nesse ano o CAMP iniciou a parceria com o RenovaBr, onde nossos associados são professores dos alunos da escola de formação política, com o objetivo de prepará-los para a campanha eleitoral. A entidade também assinou o termo de cooperação com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) como apoiador do Programa de Enfrentamento à Desinformação com Foco nas Eleições 2020. O programa ganhou caráter permanente em 2021 e visa combater a difusão de informações falsas que representam riscos para a democracia. O CAMP permanece parceiro da iniciativa.

Em 2022, aconteceu o Lançamento livro Marketing no Brasil. Foram seis lançamentos em cinco estados brasileiros, além do Distrito Federal. Uma união dos nossos associados do CAMP e mais dois convidados, representando importantes instituições democráticas do país. Um livro que se consolida como a obra mais completa do Marketing Político brasileiro.

Também em 2022, o CAMP participou do evento ” Paz e respeitos às instituições nas campanhas políticas”, uma parceria com o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

0

Painel: “Eleições 2022, mais Comunicação, mais Democracia” – Evento CAMP e Embaixada da Índia

Com o objetivo de debater como foram as mais recentes eleições no Brasil, a Embaixada da Índia realizou no dia 22/11/22, em parceria com o Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político (CAMP), um painel com a presença de estrategistas políticos responsáveis por campanhas presidenciais, de governadores e inúmeras outras em todo o Brasil.

0

Livro sobre marketing político no Brasil tem sessão de autógrafos na Feira do Livro de Porto Alegre

Com ensaios assinados por seis gaúchos, o livro “Marketing Político no Brasil” terá sessão de autógrafos na próxima quinta-feira (10), na Feira do Livro de Porto Alegre. Cassiano Sampaio, Cleber Benvegnú, Fábio Bernardi, Gabriel Corrêa, José Fuscaldo e Tania Moreira estarão à disposição do público a partir das 18h na Praça de Autógrafos Gerdau, na Praça da Alfândega.

A obra, que reúne o conhecimento e experiência de cerca de 50 dos principais estrategistas desta área no país, associados ao CAMP (Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político), pode ser considerada uma espécie de “bíblia” para o setor.

O livro, com 428 páginas, está dividido em oito eixos: Planejamento e Estratégia; Pesquisas Eleitorais e de Opinião Pública; Processo de Criação; Formas de Contato com o Eleitor I e II; Gestão de Crise; Importância de uma Comunicação Permanente; e Ética no Marketing Político e Combate às Fake News.

O livro estará disponível para compra no local do evento e haverá sessão de autógrafos com os escritores gaúchos.

Sessão de autógrafos do livro “Marketing Político no Brasil” na Feira do Livro de Porto Alegre
Quando: Quinta-feira (10/11) às 17h.
Onde: Praça de Autógrafos Gerdau, na Praça da Alfândega

0

NOTA CONTRA A CENSURA E CRIMINALIZAÇÃO DE PESQUISAS

Os associados do CAMP (Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político) se manifestam, como profissionais e como cidadãos, com grande preocupação em face de iniciativas e propostas que tenham o objetivo de censurar, criminalizar e restringir de alguma forma a divulgação de resultados e estudos de aferição da opinião pública, intenção de voto e manifestação política dos eleitores brasileiros.

Estas atividades, realizadas principalmente (mas não exclusivamente) por institutos de pesquisas, conhecidas como pesquisas políticas, pesquisas eleitorais ou pesquisas de intenção de voto, já se encontram amplamente reguladas e fiscalizadas por lei e resolução do TSE que disciplinam as eleições, o registro e a divulgação das pesquisas.

Acima, entretanto, dessas normativas, estão os direitos e garantias individuais, inscritos em cláusulas pétreas da nossa Constituição (artigo 5°).

O caminho para o fortalecimento da Democracia não passa por censura.
Assim como das instituições e dos serviços prestados por elas em prol do acesso à informação e transparência.

As pesquisas mencionadas são resultado de atividade intelectual e científica têm sua divulgação e expressão protegidas, não podendo ser censuradas ou impedidas, respondendo seus autores pelos efeitos causados.

Pesquisas são realizadas de acordo com critérios metodológicos e estatísticos. Qualquer cidadão tem acesso aos dados das pesquisas registradas para verificar se foram realizadas respeitando todos os critérios de amostragem.

Da mesma forma, impedir o acesso à informação produzida pelos institutos de pesquisa, não apenas tolhe o direito dos eleitores em conhecer os fatos e dados relativos ao processo eleitoral como fere frontalmente a isonomia dos atores políticos uma vez que esta censura ou impedimento de divulgação dos resultados dos estudos produzidos, deixaria quem não teve acesso a esses dados em desvantagem com outros eleitores que a eles tiveram acesso.

Tendo em vista esses riscos e ameaças aos direitos constitucionais e à correta avaliação do quadro político para a importante decisão dos eleitores (voto), o CAMP e seus associados manifestam seu total repúdio às tentativas de regular ou censurar de qualquer forma a comunicação e divulgação das pesquisas eleitorais (intenções de voto), certos de que estamos defendendo mais que os princípios basilares da democracia, a essência da cidadania: o direito de conhecer e se expressar livremente

Sobre o CAMP — entidade que reúne grande parte dos principais profissionais da área, entre estrategistas, consultores, criativos e especialistas em pesquisa. A entidade é suprapartidária e defende o fortalecimento da Democracia e dos valores éticos.